as minhas inquietudes

Perguntaram-me, "o que mais te inquieta?", respondi (convicto),” a imensurável capacidade da humanidade para a indiferença…”
Depois da resposta,
(expelida, assim numa torrente, num sopro instintivo),
fiquei apreensivo,,,desinquieto, com a facilidade com que surgiu a palavra “imensurável
e
de me ter colocado, inteiro, dentro da humanidade…

2 Comments:

Blogger Menina_marota said...

imensurável na forma da tua alma, que se opõe a essa mesma indiferença.
Bj

07 dezembro, 2006  
Blogger almaro said...

menina marota: tento desesperadamente, olhar, olhar sempre, mas vezes há que me distraio em mim, outras que me canso, outras ainda que me esqueço, e são muitas (ainda), as vezes que me esqueço.

12 dezembro, 2006  

Enviar um comentário

<< Home

Web Analytics by Controlia