quinta-feira, novembro 30

sem cor

Pintei uma guitarra,
abraçada
a
uma
mulher…
O cabelo,,,longo,
é
mar
e
cordas de sol,

(quase jarra
em flor)


o fundo, do quadro,,,gaivotas
e
vento…

(a guitarra
e
a mulher,,,vibram em linha única, contínua de sons-de-aço…

Só me falta a cor!

…de que cor,
se pinta um abraço?)



*************************
o palhaço de Dom Quixote, voltou a asneirar com teorias absurdas

2 comentários:

Betty Branco Martins disse...

Querido Almaro

...nos meus olhos
todas as cor – todos os matizes
feito de luzes e calor
desenhado como uma rosa
fogo
traduzindo
na imagem

a extensão dum olhar
guardado em mãos-de-concha
respira em frutos-de-cor
o abraço que pintei
para te dar

Um beijo com muito carinho
BomFeriado

almaro disse...

betty: desenho os teus olhos, mas faltam-me cores, e orvalho da manhã,,,o abraço? recebi-o quente, quase sopro, quase brisa...

porque a tranformação não tem nome, nem hora

Primeiro, pensei, com a sinceridade do instante que era o Fim, de um olhar, de um caminho, mas ( no final) o caminho não o tem, (Como um fio...